domingo, 3 de março de 2013

Mal do Meu Tempo.

Delírios de Mim Mesma.

Não vou negar, é de preocupar quando dou pra delirar duas vezes num único dia. Mas mais preocupante do que minha dupla inspiração é o motivo que está me fazendo delirar.

Ontem acordei cedo para assistir uma palestra. Quem me conhece sabe que já é difícil me tirar da cama cedo em pleno sábado, e pra assistir uma palestra então, é quase uma missão impossível, mas fui!!!

Fui acompanhada da única pessoa que hoje identifico como a melhor companhia para qualquer situação, minha companheira.

Sentamos em lugar estratégico pra ouvir bem sobre o que fosse falado. A oradora chegou e brilhantemente conseguiu fazer com que eu me envolvesse com o tema. Na verdade, sua eloquência era tanta que conseguiu envolver todos os presentes, e foi aí que começou o meu problema.

Muita gente falando, muita gente opinando, muita gente... me irritando. De repente, mando um SMS pra pessoa que estava logo atrás de mim: "Eu não tenho mais paciência de viver em coletividade. Acho que só gosto de gente no mundo virtual mesmo".

Ela não recebeu a mensagem de imediato e eu continuei ouvindo todo mundo com todos os sinais visíveis de uma pessoa ansiosa pra ir embora. Ah detalhe, a palestra falava justamente sobre ansiedade.

Como minha mensagem não foi lida, continuei assistindo como se nada tivesse acontecido e acabei até esquecendo essa minha falta de socialização.

Terminada a palestra, minha companheira recebeu a mensagem, olhou pra mim e disse: " Agora você vai assistir todas as palestras, nem que seja pra aprender a viver novamente entre as pessoas."

Fiz cara feia, mas aceitei o que ela disse e passei a refletir sobre a atual condição da minha saúde social. 

Cheguei a infeliz constatação de que sofro do mal do meu tempo, não sei mais conviver com pessoas no mundo real. E pior do que chegar a essa constatação é não saber o que fazer pra voltar a ser uma pessoa sociável longe do mundo virtual. 

Como não sei o que fazer, vou seguir a intimação de continuar assistindo as palestras e agora com um desafio maior que é me tornar parte de uma comunidade. 

E que o mundo real me receba de volta!!!


Nenhum comentário:

Postar um comentário