quinta-feira, 5 de maio de 2011

Deixa de Ser Candinha Deputado!!!

Delírios de Mim Mesma.


Enquanto estamos evoluindo no STF, estamos regredindo no Acre.

Tantos problemas para resolver, e o Senhor Deputado preocupado com a Defesa da Família e da Vida, só que essa DEFESA é contra pessoas que não representam nennhum risco de VIDA a ele e aos seus.

Se ele folhear os jornais ou acessar sites de notícias locais, vai ver que tem muito mais a ser feito por aqui do que se importar com a vida dos homossexuais.

Não foi ele que outro dia saiu do plenário por que tinha uma mãe-de-santo fazendo uma apresentação???

Não foi ele também que queria impedir a entrada dos haitianos no Brasil???

Deixa de Ser Candinha Deputado!!! Aff!!!


Enquanto no Supremo Tribunal Federal (STF) está sendo julgado sobre o reconhecimento dos direitos de união estável a casais de homossexuais, no Acre o deputado Astério Moreira (PRP), que também faz parte da bancada evangélica da ALEAC, propôs na sessão ordinária desta quarta-feira, 04, que seja criada a Frente Parlamentar em Defesa da Família e da Vida, seguindo o exemplo da Câmara Federal, que mantém uma comissão para discutir sobre família, aborto e a questão homossexual.

Como pano de fundo para sua proposta, o deputado republicano, citou o projeto que prevê a união estável entre pessoas do mesmo sexo e que estaria sendo votado no dia de hoje, no Supremo Tribunal Federal (STF).

Astério disse que é importante preservar os valores familiares, mas que não era contra a união estável de pessoas do mesmo sexo, já que “cada um escolhe sua opção”, ressaltou, mas de acordo co ele, “as pessoas morrem por falta de amor, não por falta de sexo”.

Não é homofobia, nós respeitamos o direito de cada um escolher sua opção sexual, mas perante a lei todos são iguais, temos direitos civis que precisam ser respeitados. Podem até falar da Lei Maria da Penha, mas esta lei assegura direitos a mulher”, justifica Astério a criação da frente Palamentar, para se contrapor as propostas favoráveis aos homossexuais.

4 comentários:

  1. Antes de tudo quero dizer que amo esse blog e amo a blogueira responsável pelo mesmo, mas saio em defesa do Astério sendo que este foi eleito para representar a comunidade cristã, pois a maioria que votou nele é evangélica, e nada mais natural que ele faça aquilo que se propôs a fazer, defender aquilo que sua fé, e a fé daqueles que o colocaram la para fazer exatamente isso; defender principios bíblicos, que sempre foram usados como pilares para fundamentos morais na sociedade.

    ResponderExcluir
  2. Obrigadão Ricardo!!! Mas meu conceito de política é outro.
    Concordo que a comunidade cristã o elegeu com o intuito de defendê-la, mas entendo que POLÍTICO é pra defender os direitos da sociedade como um todo, e o que temos visto são políticos eleitos para defesa de comunidades isoladas.

    Nesse caso em especial, o Deputado Astério tem se mostrado acima de tudo intolerante discriminando qualquer pessoa que não faça parte do seu círculo evangélico.

    Há mais ou menos 1 mês ele se ausentou do plenário enquanto uma mãe-de-santo fazia uma apresentação, ou seja, o Estado é laico, seus representantes não.

    Quando da entrada dos haitianos no Brasil, ele se posicionou contra, sendo que o que precisávamos era de ajuda para enfrentar esse novo momento, já que a entrada foi inevitável.

    Agora me diga, em que afeta a vida de qualquer pessoa o fato de meu casamento que se estende há mais de 7 anos ser reconhecido pelo Estado?

    Absolutamente nada!!!

    E me entristece ser tão perigosa que precise de uma comissão que DEFENDA A FAMÍLIA E A VIDA, sendo que todos precisamos desse tipo de DEFESA, mas contra pessoas que praticam a criminalidade.

    Ontem uma criança foi estuprada e brutalmente assassinada aqui em Rio Branco, e quero ver o que o Senhor Deputado tem a dizer sobre a DEFESA DA FAMÍLIA E DA VIDA dela.

    Então repito: POLÍTICO é pra defender os direitos da sociedade como um todo e não de comunidades isoladas.

    Abração.

    ResponderExcluir
  3. O mais engraçado é a contradição deste indivíduo ! Direitos civis são para todos os cidadãos, creio que eu seja uma cidadã, pago impostos e ajo tal e mesmo assim me querem tirar o direito de ser feliz com a pessoa que, porventura, eu vier a amar!?
    Eu espero que realmente a decisão do STF melhorem a nossa vida, que apesar de ser um passo de formiga foi um grande passo para este pais tão mente fechada.
    Muito bom o blog, parabéns ! :)

    ResponderExcluir
  4. rsrsrs Pra minha réplica começo citando Voltaire:
    "Posso não concordar com nada do que dizes, mas defende até a morte o direito de dizê-lo".
    Bom, se os cristãos não representam toda a sociedade, quero dizer que o mesmo se aplica aos homossexuais. Em segundo lugar, tenho uma mãe homossexual super assumida e amo ela de montão (acreditem rsrsrs)assim como amo a Débora e espero que ela acredite nisso. E em nenhum momento me mostrei contra os homossexuais, apenas acho que num Estado democrático que sempre foi dividido por classes sociais e cada uma delas luta por melhorias e ideiais, é comumente normal que o povo evangélico lute por aquilo que acredite, assim como tambem acho normal que os homossexuais lutem pelos seus direitos, e pessoalmente acho que irão conseguir. Mas mesmo num estado laico, é permitido sim que os evangélicos lutem por aquilo que acreditem, sendo que a teoria de estado laico não define apenas a divisão entre estado e religião, mas tambem define ao Estado a não promover perseguição religiosa (e acreditem, isso pode ser interpretado de várias maneiras).
    Se observarem meu comentário inicial, podem perceber que é apenas um comentário técnico que tenta explicar que numa democracia é livre a manifestação de pensamentos (ou seja, tento criar um respeito recíproco). E o fato de haver discordancia entre uma idéia contraria aos ideais homoafetivos, não significa necessariamente homofobia. Pois os homossexuais são uma classe como qualquer outra, sujeita a criticas e debates (sadios como esse). A respeito da questão de luta a favor da familia, tenho certeza que o Astério se refere a familia conforme os moldes biblicos, e o mesmo vale para a vida.
    Abraços, e carinho e sucesso a todos.

    Ricardo Santana

    ResponderExcluir