domingo, 16 de janeiro de 2011

Quadrilha Santa?

Delírios de Mim Mesma.

Segundo o MP, está comprovado que Silas Câmara comandou o Caixa 2 na campanha de Antônia Lúcia
 A Polícia Federal (PF) abriu um inquérito criminal para investigar se os recursos federais destinados à Fundação Boas Novas, nos últimos dez anos, vêm sendo utilizados para promover as campanhas eleitorais do deputado federal Silas Câmara (PSC).

Segundo o inquérito, nesse período, a fundação recebeu quase R$ 9 milhões em emendas propostas pelo próprio parlamentar e aprovadas na Câmara Federal.
 Agora o Ministério Público Federal no Amazonas (MPF/AM) pediu a cassação do diploma e do mandato do deputado federal Silas Câmara (PSC) por arrecadação e gastos ilícitos com uso de caixa 2 nas Eleições 2010.

Segundo o MP, está comprovado, inclusive por meio de escutas telefônicas, que Silas Câmara comandou a movimentação irregular de dinheiro na campanha da mulher dele no Acre, Antônia Lúcia (PSC), que também se elegeu deputada federal.

Antônia Lúcia é alvo de três ações de investigação judicial eleitoral no Acre por compra de votos, distribuição de bens e formação de “caixa dois” nas Eleições 2010.

Na investigação feita pela Polícia Federal (PF), que apura as práticas de abuso de poder econômico e caixa dois, Silas aparece como principal financiador da campanha da milionária, OPS!, missionária Antônia Lúcia. 

Em setembro de 2010, a PF apreendeu, no Acre, R$ 472,13 mil dentro de uma caixa de papelão com os filhos do casal, que, supostamente, tinham como destino a Rádio e Televisão Boas Novas, da qual Lúcia é sócia.

Em gravações autorizadas pela Justiça, interceptadas pela Polícia Federal, Antônia Lúcia, pede o apoio financeiro do marido para continuar comprando votos e vencer a campanha.

Silas Câmara pergunta à mulher quanto ela precisa “por dentro” (declarado) e quanto ela precisa “em mãos” (caixa 2). Ele insiste: “quero saber quanto você precisa para não perder a eleição”, no que a esposa responde: “faz os teus cálculos, o que faltar ...”. Silas Câmara termina a conversa com a afirmação: “menina, deixa de ser chata, deixa de ser coitadinha. Diz o quê que tu precisa”.

Grupo Usava Igreja

Antônia Lúcia, aparece na investigação feita pela Polícia Federal no Acre como coordenadora de uma “quadrilha” que utiliza o patrimônio da Rádio e TV Boas Novas Ltda. em atividades ligadas à campanha eleitoral.

Segundo a PF do Acre, o grupo financia a doação gasolina, bicicletas, motores, dentaduras, óculos e dinheiro em espécie e diversas vantagens a eleitores em troca de votos para os candidatos do PSC. Antônia Lúcia também é acusada de captar pastores e líderes religiosos para elaborarem uma lista de “fiéis” para votarem nos candidatos do PSC.

Fonte: A gazeta

E o mais interessante, foi o que eu ouvi de um taxista: "_ ELA está sendo perseguida! O povo de Deus está sendo perseguido! Ela rouba? Rouba, mas pelo menos faz alguma coisa pela Igreja, e será uma força pra não aprovar o casamento das 'imundiça' (homossexuais)."


Quer dizer, se for em nome de Deus pode roubar?





Perdão Senhor, 
Não sabemos o que fazemos, o que dizemos, e o que vivemos!!!


2 comentários:

  1. Debora,
    Não conhecia o seu blog mas achei muito interessante.
    gostei do post.É bem legal vc não generalizou, nem quanto aos evangelicos ( sou messianico)nem quanto aos politicos...o que é bem dificil de não fazer com tantos motivos pra faze-lo..

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Kennedy!!! Espero que goste das demais postagens e convido a fazer parte dos seguidores do Blog.
    Aceito sugestões sobre novos temas!!!
    Abraços,

    ResponderExcluir